Filme de Tarantino vai participar da competição em Cannes

REUTERS

PARIS - O diretor americano Quentin Tarantino vai levar seu filme 'Death Proof' ao Festival de Cinema de Cannes este ano, onde vai concorrer com compatriotas seus como os irmãos Coen e Gus Van Sant na competição principal.

Os organizadores que anunciaram na quinta-feira a seleção de filmes da 60a edição do maior festival de cinema do mundo disseram também que Michael Moore, o polêmico ganhador da Palma de Ouro em 2004, estará de volta à Croisette.

Seu documentário 'Sicko', sobre o sistema de saúde dos EUA, não está inscrito na competição principal, mas a presença de Moore em Cannes, onde em 2004 ele ganhou o prêmio principal por seu polêmico filme anti-Bush 'Fahrenheit 11 de Setembro', vai gerar publicidade valiosa.

'Death Proof' é uma adaptação especial da parte dirigida por Tarantino de uma dupla de filmes de suspense que já está sendo exibida nos cinemas sob o título de 'Grindhouse'. A outra parte tem direção de Robert Rodriguez.

O festival de Cannes será aberto por 'My Blueberry Nights', do cineasta chinês Wong Kar Wai, estrelando Jude Law, Ed Harris, Natalie Portman e a cantora de jazz Norah Jones numa história sobre uma mulher que atravessa os Estados Unidos.

Na competição principal, Wong Kar Wai vai competir com diretores americanos como os irmãos Coen ('No Country for Old Men'), David Fincher ('Zodíaco') e Gus Van Sant ('Paranoid Park'), além de Emir Kusturica, nascido em Sarajevo ('Promise Me This').

Farão sua estréia em Cannes, mas fora da competição, os filmes 'Treze Homens e um Novo Segredo', o terceiro na série estrelada por George Clooney, e 'A Mighty Heart', filme baseado no sequestro e assassinato do jornalista americano Daniel Pearl no Paquistão, estrelado por Angelina Jolie.

O júri deste ano será presidido pelo diretor britânico Stephen Frears, e um de seus integrantes será o escritor turco premiado com o Nobel Orhan Pamuk.