Jornal do Brasil

Cultura

Instrumental em alta na Barra

Festival internacional oferece concertos até sábado, na Cidade das Artes, a R$ 10

Jornal do Brasil

A nova edição da Semana Internacional de Música de Câmara do Rio de Janeiro começa hoje na Cidade das Artes e se estende até o sábado, oferecendo concertos diários às 20h. Na sexta-feira, no mesmo horário, o público será brindado com um concerto extra, na Sala Cecilia Meireles e, para a noite de sábado, estão programadas duas apresentações, a primeira às 18h e a segunda, às 20h.

No concerto de abertura, às 20h, a pianista Simone Leitão se juntará aos instrumentistas russos Liana Gourdja (violino) e Dmitrii Maslennikov (violoncelo). Eles vão inaugurar o festival com o “Trio em Dó Maior”, de Brahms. Em seguida, será apresentado “Le grand tango para violoncelo e piano”, de Piazzolla, trazendo desta vez como convidada a pianista portenha Lorena Eckell. O “Sexteto op 18 em Si Bemol Maior”, de Brahms, completa o programa. Nesta peça, os músicos russos se unirão ao violinista grego Yannos Margaziotis e aos brasileiros Laís Oliveira (violoncelo), Dhyan Toffolo e Ana Luiza Lopes (violas).

Macaque in the trees
Diretora do evento, a pianista Simone Leitão faz o concerto de abertura ao lado de artistas convidados (Foto: Divulgação)

O concerto de quinta, no mesmo horário, é marcado pela interpretação de peças mais conhecidas do público por jovens instrumentistas, como “Assovio a jato”, de Villa-Lobos. Fabio Zanon e Daniel Guedes formam o duo de violino e violão, que mostrará “A história do tango”, de Piazzolla, e, depois, se reunirá a outros músicos no “Quarteto para violão e cordas”, de Paganini, em Ré menor. O concerto será finalizado pelo trio “Cigano”, de Joseph Haydn, com o grego Yannos Margaziotis como violino principal.

Na sexta, será a vez do Quinteto Lorenzo Fernandez, que é integrado por novos talentos do sopro. No repertório, estão obras de Mozart (“Quinteto para piano, oboé, clarineta, trompa e fagote KV 452”), Amaral Vieira (“Piccolo divertimento”), Villa-Lobos (“Melodia sentimental”), Edino Krieger (“Serenata a cinco”) e Liduíno Pitombeira (“Suíte Hermética”, dedicada a Hermeto Pascoal).

Macaque in the trees
O violocenlista russo Dmitrii Maslennikov (Foto: Divulgação)

Na mesma noite, na Sala Cecília Meireles, os músicos russos e a pianista Simone Leitão dividem o palco para a apresentação do vigoroso “Trio em Dó Maior, op 87”, de Brahms, e a “Sonata em Lá Maior”, de César Franck. Mais uma vez, o sofisticado ritmo do “Grande tango”, de Piazzolla contará com a atuação da pianista portenha Lorena Eckell.

Macaque in the trees
Formado por jovens instrumentistas, o Trio Porã é uma das atrações de sábado (Foto: Divulgação)

No dia do encerramento, o festival tem programa duplo e maior diversidade. À 18h, o Trio Porã - integrado por Ciro Magnani (piano), Maressa Carneiro (violino) e Glenda Carvalho (violoncelo) – vai apresentar o “Trio op. 49”, de Mendelssohn, enquanto os russos vão exibir o moderno “Duo para violino e viola”, de Kodály.

Às 20h, o recital de canções de câmera será iniciado por “O amor do poeta”, de Schumann, passará por Gershwin, Händel, Schubert, Fauré e Claudio Santoro, numa bela viagem melódica. Juntos, os brasileiros e os convidados internacionais farão o “Quinteto para piano e cordas op 81”, de Dvorak. Liderados pelo piano de Simone Leitão, os violinistas Daniel Guedes e Maressa Carneiro, o violista Dhyan Toffolo e o violoncelista Dmitrii Maskennikov mostrarão a sonoridade desta obra fundamental do repertório de câmara.

-----------

SERVIÇO

SEMANA INTERNACIONAL DE CÂMARA

Cidade das Artes (Av. das Américas, 5300 – Barra; Tel.: 3325-0102)

Direção artística de Simone Leitão

De hoje a sábado

Ingressos a

R$ 10

 



Recomendadas para você