Canarinho Pistola é barrado por seguranças no desembarque da Seleção em Moscou

Canarinho Pistola, mascote da Seleção Brasileira, foi barrado por seguranças do hotel onde a equipe de Tite está hospedada. 

O Canarinho animou os cerca de 300 torcedores que esperavam pelos comandados de Tite. Depois, os seguranças chegaram e o retiraram do local.

A torcida, agita, começou a vaiar os seguranças. Minutos depois o Canarinho Pistola voltou para os braços da galera. Depois da 'fiança', Pistola teve tempo de acompanhar a chegada dos jogadores da Seleção ao hotel, em Moscou.

O Brasil lidera o grupo E, com quatro pontos. Se vencer a Sérvia, a equipe garante o primeiro lugar, mas o empate também classifica a seleção brasileira para a próxima fase. "Fizemos um trabalho de bola parada defensiva já nos preparando para a Sérvia. A gente sabe que [a bola aérea] é uma jogada forte deles, e toda a equipe tem que estar preparada", afirmou o auxiliar-técnico Matheus Bachi.