Longa decadência

Muito mais do que vítima de uma crise econômica circunstancial, o Rio vive uma decadência de décadas. A análise é do professor Mauro Osório, que se debruçou sobre dados recém-divulgados pelo Ministério do Trabalho e pelo CAGED. O Rio sofreu particularmente entre dezembro de 2014 e dezembro de 2018, quando o Estado apresentou uma perda percentual de empregos com carteira assinada de 15,2%, contra uma perda no total do Brasil de 6,9%. Em números absolutos isso significa que o Rio de Janeiro perdeu mais de meio milhão de empregos com carteira assinada: exatos 572.663. Além disso, em 2018, enquanto no Brasil foram criadas 529.554 postos de trabalho com carteira assinada, no Rio foram criadas apenas 5.736 novas vagas. Para efeitos de comparação, em São Paulo foram abertas 146.596 vagas e em Minas Gerais 81.919. “Ou seja, após décadas de um dinamismo bem inferior ao restante do país, uma crise que os atingiu particularmente, ainda continuamos estagnados”, diz Mauro Osório. “Está na hora de ampliar o debate sobre qual é, de fato, a real agenda para o Estado do Rio de Janeiro.”

Alalaôôô...

A OLX bateu recorde de vendas nesse calor senegalês. A plataforma chegou a vender 59 ventiladores e aparelhos de ar condicionado por hora no último dia 22. Nesta data cidades como Brasília, Goiânia e Campo Grande atingiram a maior temperatura do ano. O número de ventiladores e aparelho de ar cresceu 15% nos primeiros dias de janeiro contra o mesmo período do ano passado.

Made in Bangu

Os deputados do PSL não precisavam ter ido à China em busca de tecnologia de reconhecimento facial. Ela já existe em Bangu. O Bangu Shopping implantou a tecnologia, desenvolvida pela Atlas Inovações, para controlar funcionários de empresas terceirizadas.

Racha no PSD

Índio da Costa sofreu uma primeira derrota na disputa com Hugo Leal pelo comando do PSD do Rio. Na pajelança de sexta-feira, Índio defendeu duramente que o partido não aderisse ao governo W2, mas acabou derrotado. O próximo round da disputa deverá ser na convenção do partido, em maio.

Visita liberada

A Justiça do Rio aceitou o pedido de Maria de Fátima Barros e Renata Fernandes Cirne, mãe e companheira grávida do médico Denis Cesar Barros Furtado, o “Doutor Bumbum”, de visitá-lo no presídio. Também foi liberado o acesso ao imóvel que fica no shopping Downtown, onde o médico clinicava. Denis está preso desde julho do ano passado, acusado de provocar a morte de uma paciente após um procedimento cirúrgico.

Balão de ensaio

O governador W2 já disse a mais de um interlocutor que vê no juiz Marcelo Brêtas um bom nome para disputar a prefeitura do Rio no ano que vem.

Da cota da Bené

Se a ala heavy metal do PSL implica com indicações de petistas no governo W2, imagina quando descobrir que desde o governo Cabral Nelma de Azeredo ocupa destacada função como assessora especial da subsecretaria de Ação Social. Nelma é amiga do peito da deputada petista Benedita da Silva.

__________

LANCE LIVRE

Será lançado dia 9 de fevereiro, às 15h, na Livraria Malasartes, o livro para crianças Menino Movimento, que conta histórias da infância do educador Anísio Teixeira em Caetité, na Bahia. O mural de Miguel Paiva, Aroeira e Gabriel Souza em homenagem aos garçons do Bar Lagoa será inaugurado oficialmente amanhã.