PT ‘dá troco’ em Eduardo com Bezerra

PT ‘dá troco’ em Eduardo com Bezerra

O escândalo envolvendo o ministro Fernando Bezerra (Integração) com direcionamento de verbas para Pernambuco, seu Estado natal e reduto político, é mais uma cartada do PT para assumir o protagonismo no governo contra a base aliada. A guerra com o PTB gerou a denúncia do mensalão; com o PCdoB lascou o ex-ministro do Esporte, Orlando Silva. Agora é a vez do PSB de Bezerra, que os petistas não engolem.

Ciúmes de você

O alvo é o governador Eduardo Campos (PSB-PE), que em 2010 levou seu candidato, Armando Monteiro, à primeira vaga no Senado.

Fora do foco

O usineiro pernambucano deixou o candidato petista e ex-ministro Humberto Costa (Saúde) na segunda vaga, tirando-lhe os holofotes.

PT em baixa

Campos não sinalizou apoio à candidatura à reeleição do prefeito de Recife, João da Costa. E pior: trabalha para Bezerra ser governador.

Briga em casa

O PT detonou o ex-ministro Pimentel (Desenvolvimento) e pôs em apuros o governador Agnelo (PT-DF), cristão novo no partido.