Modo de vida e exposição ambiental são responsáveis por mais 1/3 dos casos de câncer entre mulheres

INCA ressalta a importância dos hábitos saudáveis para a prevenção de câncer nas mulheres

Tabagismo e exposição à fumaça do tabaco, consumo frequente de álcool, má alimentação, inatividade física, exposição a infecções e agentes ambientais cancerígenos, sobrepeso e obesidade, dentre outros fatores ambientais e comportamentais que podem ser evitados, poderão ser responsáveis por 34,7% dos casos dos tipos de câncer mais comuns entre mulheres brasileiras em 2020, segundo estimativa do estudo “A fração do câncer atribuível aos modos de vida, infecções, ocupacional e agentes ambientais no Brasil em 2020”. O Instituto Nacional de Câncer José de Alencar Gomes da Silva (INCA) ressalta a importância da adoção de ações individuais e coletivas que previnam estes riscos na população feminina, e homenageia as pacientes, funcionárias e voluntárias da instituição com um show do grupo Mulheres de Chico.

Resultado de uma parceria entre pesquisadores do INCA, Fundação Oswaldo Cruz, Hospital A.C. Camargo, Instituto do Câncer Tisch (Estados Unidos), Instituto Internacional de Pesquisa de Prevenção (França), Ministério da Saúde, Organização Pan-Americana de Saúde e as Universidades de São Paulo, do Estado do Rio de Janeiro e Federal do Rio Grande do Norte; o estudo foi publicado em fevereiro deste ano na revista internacional Plos One e estima também que, em 2020, 38,5% das mortes de mulheres com os principais tipos de câncer serão causadas pelos fatores listados acima.

O grupo de pesquisa trabalhou nos últimos três anos no cálculo da fração atribuível a fatores de risco evitáveis para 25 tipos de câncer. “Esse estudo representa um grande esforço interinstitucional, com a cooperação de vários pesquisadores e coordenação da Dra. Gulnar Azevedo e Silva, do Instituto de Medicina Social (IMS/Uerj). São resultados que consideram a nossa realidade, com dados dos censos e estudos nacionais”, explica a epidemiologista Ubirani Otero, responsável pela Unidade Técnica de Exposição Ocupacional, Ambiental e Câncer.x