Campanha de vacinação começou neste sábado em todo o Brasil 

A Campanha Nacional de Vacinação Contra a Poliomielite começou neste sábado (8) com o Dia D de Mobilização em todos os estados e no Distrito Federal. Cerca de 115 mil postos de vacinação, permanentes ou móveis, entraram em funcionamento. 

A meta da campanha é vacinar 95% dos 12,9 milhões de crianças de 6 meses a menores de 5 anos que existem no país até 21 de junho – ou seja, 12,2 milhões de crianças.

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, participou do Dia D em São Paulo, no posto de vacinação montado no Centro Educacional Unificado (CEU) Meninos, em Heliópolis. No local, os palhaços Patati Patatá e o Zé Gotinha, mascote da campanha, animaram a mobilização. 

“Esta é aquela hora de pais e mães aproveitarem a oportunidade para manter as nossas crianças protegidas”, reforçou o ministro. “Este ano é o primeiro no qual vai acontecer de forma plena a estratégia combinada entre a vacina injetável (no 2º mês e no 4º mês de vida) e o começo da vacina oral a partir do 6º mês de idade”.

Além das unidades permanentes de vacinação, postos móveis foram instalados no Dia D em shopping centers, rodoviárias e escolas, entre outros locais. O CEU Meninos foi um desses pontos de vacinação adaptados. Cerca de 350 mil pessoas se envolveram na campanha em todo o Brasil, com a utilização de 42 mil veículos, entre terrestres, marítimos e fluviais.

O Ministério da Saúde está investindo R$ 32,3 milhões em repasses do Fundo Nacional de Saúde para os estados e municípios, sendo destinados R$ 13,7 milhões para a aquisição de 19,4 milhões de doses da vacina oral. “O investimento é maior neste ano porque, além da vacina oral, estamos o ano inteiro com a vacina injetável, que a gente dá para as crianças aos 2 meses e aos 4 meses de idade e também para aquelas crianças que não podem tomar a gotinha. Quem são elas? São por exemplo, as crianças que em algum momento desenvolveram algum tipo de reação à vacina quando tomaram”, acrescenta o ministro.