Google encerra inscrições para teste dos óculos futuristas

?O Google encerrou oficialmente as inscrições para a compra do Google Glass ainda na sua fase de testes. Um aviso na página disponibilizada pela empresa para o registro diz que o período de candidaturas está encerrado.

Segundo o site TechCrunch, não foi revelado quantas unidades dos óculos futuristas serão disponibilizados nesta leva de testes.

Para candidatar-se aos testes, os usuários tiveram que dizer o que fariam com um Google Glass.

No dia 20 de fevereiro, o Google fez um chamada de voluntários "corajosos e criativos" para usar, de forma experimental - e com uma economia de US$ 1.500 -, os óculos futuristas, antes de sua comercialização para o grande público no ano que vem.

"Procuramos pessoas atrevidas e criativas para fazer parte da aventura do Google Glass", anunciou a companhia americana em sua página na internet. "Ainda estamos no começo, por isso não podemos prometer que tudo será perfeito, o que podemos prometer é que será emocionante".

O Google anunciou há um ano que estava trabalhando nesta nova tecnologia, que mistura o mundo real ao mundo virtual.

Os óculos estão equipados com câmera integrada, microfone e podem ser conectar à internet por comando de voz por meio de wifi ou Bluetooth. Pequenas telas acopladas nas lentes permitem ler textos ou e-mails.

Sergey Brin, co-fundador do Google que usa regularmente o protótipo dos óculos, detalhou em junho passado o plano de lançamento deste dispositivo para desenvolvedores reunidos na conferência anual de San Francisco, Califórnia.

Paraquedistas fizeram a demonstração do novo produto filmando e divulgando ao vivo, com seus óculos, o voo e a aterrissagem no teto do Centro de Convenções de San Francisco.

"É o tipo de ideia louca que acaba virando realidade", disse Brin na ocasião. "O fato de poder se lançar ao vazio podendo compartilhar a experiência (usando os óculos) torna muito estranho o uso de um smartphone ou de um computador portátil".