Morre Joseph Murray, pioneiro do transplante de órgãos

Morreu na noite de segunda-feira, aos 93 anos, o médico Joseph Murray, que ganhou o prêmio Nobel por realizar o primeiro transplante de órgãos bem-sucedido.

Ele sofreu um derrame cerebral na quinta-feira da semana passada e, desde então, estava internado no Brigham and Women''s Hospital de Boston.

Foi nesse hospital que Murray realizou a histórica cirurgia, no dia 23 de dezembro de 1954, ao transplantar um rim de Ronald Herrick para seu irmão gêmeo Richard, estendendo sua vida por oito anos. Nos anos 60, Murray ajudou a desenvolver o remédio Imuran, que afetava o sistema imunológico de forma a permitir que os pacientes tolerassem os transplantes de doadores não relacionados. 

Ganhou o prêmio Nobel de Medicina em 1990, junto com E. Donnall Thomas, pioneiro em transplantes de medula óssea.