Ministro da Saúde anuncia aumento de 12,7% no número de transplantes

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, anunciou nesta sexta-feira que o número de transplantes feitos no Brasil no primeiro semestre do ano teve um aumento de 12,7% em relação ao mesmo período de 2011. Entre janeiro e junho foram feitos 12.287 transplantes, contra 10.905 no mesmo intervalo do ano passado. Entre o primeiro semestre do ano passado e o de 2010, foi registrado um acréscimo de 10% nessas cirurgias.

>> Governo investe R$ 10 mi para capacitar unidades de saúde a fazer transplantes 

>> Vacina pode acabar com espera por córnea  

Segundo Padilha, as operações de pulmão foram as que mais avançaram, chegando a dobrar na comparação com o ano passado. Em seguida, vêm as de coração (alta de 29%), medula óssea (17%), rim (14%), córnea (13%) e fígado (13%).

O total de doadores no país também cresceu 22%, passando de 997 no primeiro semestre do ano passado para 1.217 em 2012.

Por região, três estados da Região Norte foram os que mais se destacaram no número de transplantes: o Acre lidera, com um aumento de 11 vezes, seguido pelo Amazonas (onde triplicou) e Pará (duplicou). Na sequência, aparecem Pernambuco (alta de 74%) e o Distrito Federal (76%).

Em números absolutos, o estado de São Paulo lidera o ranking, com 4.754 transplantes realizados – a maior parte, de córnea. Depois estão Minas Gerais (1.097), Paraná (937), Rio Grande do Sul (777) e Pernambuco (767).