Cientistas descobrem novas espécies de animais em caverna de Israel 

Cientistas israelenses descobriram oito novas espécies de animais numa caverna subterrânea encontrada em 2006 em Ramla, ao sul de Tel Aviv. Eles deram nomes a sete dessas espécies isoladas durante milhões de anos no local, de 2,7 quilômetros de extensão.

"A caverna estava escondida a cerca de 100 metros da superfície, sem abertura natural", diz o professor Amos Frumkin, diretor da Unidade de Pesquisa de Cavernas da Universidade Hebraica de Jerusalém. 

"Formou-se um oásis subterrâneo com a água que saía do fundo da massa rochosa", acrescenta Frumkin. "Por isso que esses animais foram isolados de todas as espécies da superfície", completa.

Todos os animais encontrados são artrópodes (invertebrados com corpo segmentado), informam os pesquisadores.