Primeiro transplante de ovários do Brasil é feito no Paraná 

O primeiro transplante de ovários do Brasil foi realizado no último sábado no Hospital São Marcos, na cidade de Maringá, no Paraná. A nutricionista Elisa Gerep de Morais, 29 anos, teve parte do tecido de seu ovário transplantado em sua irmã gêmea, a turismóloga Mariana Gerep de Morais, que sofria de menopausa precoce causada por problemas genéticos. Se o órgão não for rejeitado, a paciente poderá engravidar. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

De acordo com o jornal, outra parte do tecido será preservada caso um novo transplante seja necessário. 

Segundo o cirurgião e pesquisador em reprodução humana da Universidade Federal de São Paulo Carlos Gilberto Almodin, responsável pelo procedimento, é necessário aguardar até seis meses para saber se haverá rejeição. 

A cirurgia é fruto de uma pesquisa iniciada em 1999 por Almodin. O presidente da Associação de Obstetrícia e Ginecologia do Estado de São Paulo, César Fernandes, afirmou que esse é um feito importante, mas que só terá sucesso se a paciente voltar a ovular e conseguir engravidar.