TweetDeck é tirado do ar para resolver falha de segurança 

O TweetDeck, aplicativo usado para administrar contas em redes sociais, ficou fora do ar por várias horas entre o fim da tarde de sexta-feira e o início da madrugada deste sábado. O serviço foi interrompido para "resolver uma questão".

"Pedimos desculpas pela inconveniência", disse um post na conta oficial do serviço por volta das 18h de ontem. Cerca de oito horas depois, uma nova mensagem foi postada, anunciando a volta do serviço. "TweetDeck está funcionando novamente. Obrigado pela paciência."

Segundo o blog TechCrunch, o serviço foi temporariamente suspenso porque Geoff Evason, um usuário do TweetDeck, publicou no Twitter que descobriu ontem que conseguia acessar as contas de centenas de outras pessoas. "Vocês deveriam olhar isso", postou ele, junto a uma foto que comprovava a falha.

"Assim que descobrimos sobre a falha, suspendemos o TweetDeck para diagnosticar a situação", afirmou aoTechCrunch o Twitter, responsável pelo serviço. "Uma falha tornou possível a um número muito pequeno de usuários acessar a conta de outros. (...) Nenhuma senha foi comprometida, e não soubemos de nenhuma instância em que isso tenha sido usado maliciosamente", justificou a empresa. O serviço voltou ao ar por volta das 2h deste sábado.