Samsung quer proibir venda do iPhone na Austrália e Japão

O grupo sul-coreano Samsung Electronics apresentou à justiça uma ação para proibir a venda do novo iPhone da Apple, o 4S, no Japão e Austrália, alegando que o modelo viola várias de suas patentes registradas.

A Samsung apresentou as demandas em tribunais de Tóquio e no estado de Nova Gales do Sul (Austrália).

Desde abril, o grupo sul-coreano a americana Apple travam uma batalha jurídica, com uma troca de acusações sobre cópia de tecnologia e design.

A Samsung apelou contra um veredicto emitido na quinta-feira passada por um tribunal de Sydney que proíbe, temporariamente, a venda do tablet Galaxy Tab 10.1 na Austrália, após um processo da Apple.

No início de outubro, o grupo sul-coreano pediu a proibição da venda do novo iPhone na França e Itália.

Recentemente, a Samsung perdeu uma batalha para o grupo americano com a proibição da venda na Alemanha do tablet Galaxy Tab 10.1, considerado muito similar ao iPad.