Acordo entre Google e editora francesa encerra disputa judicial

A gigante da internet americana Google e a editora francesa La Martinière assinaram um acordo para digitalizar as obras que não estão mais à venda, mas que continuam protegidas por direitos autorais, anunciaram em um comunicado conjunto.

O acordo, cujos detalhes financeiros não foram revelados, encerra as ações jurídicas iniciadas pela editora em 2006.

A Google foi condenada em 2009 pela justiça francesa por falsificação após a digitalização de obras da La Martinière sem sua autorizção.

"O acordo pretende estabelecer a digitalização e comercialização na forma de e-books de obras esgotadas cujos direitos são controlados pelo grupo La Martinière", afirma o Google no comunicado.