Metas para concessionárias de telefonia devem ser publicadas hoje

Nas negociações, o governo conseguiu incluir a oferta da internet a R$ 35 por mês 

O governo deve publicar ainda hoje, em edição extra do Diário Oficial da União, as novas metas de universalização para as concessionárias de telefonia fixa para o período de 2011 a 2015. Nas negociações com as empresas, o governo conseguiu incluir a oferta de internet em alta velocidade (1 Megabit por segundo) a R$ 35 por mês.

O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, esclarece os principais pontos do acordo em uma entrevista coletiva, às 15h. Segundo ele, o acordo com as empresas exclui a exigência de metas velocidade de internet, mas a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) se comprometeu a votar até 31 de outubro um regulamento sobre a qualidade do serviço para entrar em vigor a partir do ano que vem.

A terceira edição do Plano Geral de Metas de Universalização da Telefonia Fixa (PGMU 3) faz parte da revisão dos contratos de concessão das operadoras de telefonia fixa, que deve ocorrer a cada cinco anos.