Astronautas chegam ao centro espacial para missão do Endeavour

Os seis astronautas da missão STS-134 do Endeavour chegaram ao Centro Espacial Kennedy, na Flórida, na manhã desta quinta-feira para se preparar para o lançamento do ônibus espacial, adiado por problemas técnicos. "Nós admiramos o trabalho duro da equipe que se dedicou nas últimas duas semanas para deixar o Endeavour pronto", disse o comandante Mark Kelly à imprensa.

O lançamento para a missão de 16 dias na Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês) está programado para as 9h56 (horário de Brasília) de segunda-feira, depois de ser cancelado em 29 de abril após um curto-circuito no sistema de aquecimento.

Os técnicos da agência espacial americana (Nasa) realizaram a substituição do equipamento defeituoso, uma caixa que controla o fornecimento de energia chamada de LCA-2. Após diversos testes e atrasos na previsão de lançamento, a nova data foi finalmente definida.

Além de Kelly, os astronautas americanos Mike Fincke, Andrew Feustel, Greg Chamitoff, Greg H. Johnson e o italiano Roberto Vittori, deixaram o Centro Espacial Johnson, em Houston, para começar a contagem regressiva para a partida do Endeavour.

Última missão

Ônibus espacial mais jovem da frota original de seis aparelhos da Nasa, o Endeavour deverá transportar à Estação Espacial Internacional (ISS) o espectômetro magnético Alpha 2 (AMS), um módulo experimental em física fundamental que será utilizado para investigar mistérios como a existência da antimatéria ou a natureza da matéria escura, invisível.

O último voo do Endeavour, para uma missão de 14 dias, será o número 25 de sua carreira. Quando regressar à Terra, se tornará o segundo ônibus espacial da frota a se aposentar. O protótipo Enterprise nunca voou ao espaço e o Columbia explodiu em 2004 quando voltava à Terra. O Discovery fez seu último lançamento em fevereiro e voltou em março, enquanto o Atlantis partirá para sua última missão em junho.