Mosca ajuda peritos a desvendar crimes

Ovos determinam hora e até o local do assassinato

Certos tipos de mosca podem ajudar peritos criminalistas a descobrirem como, quando e de que forma alguém foi assassinado. Conhecida popularmente por varejeira, a mosca Chrysomia albiceps sempre é encontrada em cadáveres. Como ela, certos tipos de insetos são atraídos por material em decomposição, característica que vem sendo usada como recurso na criminalística nos Estados Unidos e em vários países europeus – onde há bancos de dados bastante completos.

Aqui no Brasil, a pesquisadora Janyra Oliveira da Costa, do Instituto de Criminalística Carlos Éboli (ICCE), vem montando, desde 2005, um banco de dados de entomologia (estudo dos insetos) forense, que reúne vários tipos de análise para comparação. O objetivo dela é desenvolver um projeto parecido com o que há lá fora.

>> Leia a reportagem completa no JB Digital