Estudo da Anvisa aponta grande quantidade de sódio em alimentos

 

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) apresentou nesta quinta-feira, em Brasília, o resultado de um estudo sobre a quantidade de sódio, gorduras e açúcares em mais de 20 categorias de alimentos industrializados. O levantamento apontou que uma porção de macarrão instantâneo com tempero apresenta a maior quantidade de sal entre todos os produtos analisados.

"Em algumas amostras ficou constatado que, ao comer uma única porção desse alimento, a pessoa está ingerindo 167% do sódio recomendado para ser consumido durante todo dia", afirmou a diretora da Anvisa Maria Cecília Brito. O estudo também apontou a grande variação na quantidade de sódio nas marcas de macarrão instantâneo analisadas, variando 7,5 vezes de marca para marca.

Segundo a Anvisa, a quantidade de sódio encontrado na batata palha pode variar em até 14 vezes comparando marcas. Já nos salgadinhos de milho, a variação chega a 12,5. De acordo com Maria Cecília, essa diferença encontrada nos teores de sódio, nas diferentes marcas de alimentos, comprova que a indústria pode produzir alimentos mais saudáveis.

A pesquisa também apontou que os refrigerantes de baixa caloria, tanto à base de cola quanto à base de guaraná, apresentam maiores valores de sódio em relação aos refrigerantes comuns. Sobre as gorduras saturadas, a Anvisa disse que os alimentos apresentaram teores superiores à média da categoria. No caso das batatas fritas, 17 das 28 marcas analisadas estavam com teores de gordura saturada acima do normal.

De acordo com a Anvisa, o estudo vai ser importante para que as empresas produzam alimentos mais saudáveis. "Vamos encaminhar essa pesquisa para o Ministério da Saúde, para que seja pactuado entre Governo Federal e as indústrias de alimentos uma redução das quantidades de gorduras, açúcar e sal nos alimentos processados", afirmou a diretora.