MediaOn: palestrantes desdenham do "fim da mídia tradicional"

Os palestrantes da noite de abertura do 4º Seminário Internacional de Mídia Online (MediaOn), a vice-presidente executiva da CNN News Services, Susan Grant, e o editor de conteúdo interativo do New York Times, Aron Pilhofer, brincaram com a discussão sobre o fim dos veículos tradicionais, como jornal e rádio. Pilhofer afirmou gostar de jornais mas "enxergar" no futuro "um mundo sem eles", Susan disse não acreditar na possibilidade.

Para Pilhofer, o debate sobre a extinção de jornais é tão improdutivo quanto "questionar a lei da gravidade". "Não deveríamos nos importar tanto com isso, quando nos focamos nesta possibilidade perdemos a oportunidade de inovar nas plataformas", afirmou.

Susan questionou se algum veículo já desapareceu em função do surgimento da internet. "Por acaso o rádio desapareceu? Até os discos voltaram só que agora chamamos eles de 'vinil'", disse rindo.

Apesar de concordarem sobre a improbabilidade da extinção dos veículos, os executivos divergem sobre a importância do papel do jornalista na nova realidade. Susan afirma que "todos e qualquer" usuário pode ser jornalista na qualidade de produtor de conteúdo e que cabe ao jornalista profissional "pinçar" o que tem qualidade ou não para ser publicado, sem editar. "É basicamente uma questão de enxergar o mundo como repórter e abrir as possibilidades da cobertura", disse.

Pilhofer defende a categoria dizendo que é necessário que os engenheiros "pensem como jornalistas" para desenvolverem aplicativos que funcionem para "contar uma história" melhor que apenas o texto faria. "Colocamos nossa equipe na redação para que sintam melhor as necessidades dos jornalistas e pensem como eles", declarou.

Sobre o MediaOn

O MediaOn é uma parceria do Terra com o Itaú Cultural e acontece anualmente, tendo se firmado como um dos principais fóruns de debate sobre jornalismo digital e novas mídias. O evento conta com o apoio das redes de televisão CNN e BBC, e será transmitido ao vivo entre os dias 9 e 11 de novembro. Os debates contarão com a presença de grandes nomes da mídia brasileira, da América Latina, Europa e Estados Unidos.