Dinamarca pode ficar livre de combustíveis fósseis até 2050

Relatório desenvolvido por uma comissão formada a pedido do governo da Dinamarca aponta que a queda no custo da produção de energia renovável, somada ao aumento nos preços de petróleo e gás, permitirá ao país desenvolver uma rede de energia totalmente livre de combustíveis fósseis até 2050.

Segundo o estudo, a energia eólica (proveniente do vento) e a biomassa poderiam atender à maior parte dos requisitos energéticos do país europeu. Outro aspecto salientado pela comissão sobre a aposentadoria de combustíveis fósseis é que esta solução poderia sair mais econômica para a Dinamarca em longo prazo.

Uma das recomendações do documento sugere que o governo passe a destinar 0,5% do PIB (produto interno bruto) do país em pesquisas no campo de energias renováveis. Agências internacionais informaram que o governo dinamarquês deve se pronunciar sobre o estudo até novembro.