Jovem é a 12ª vítima por gripe suína no RS; país tem 34 mortos,

JB Online

PORTO ALEGRE - Nesta manhã de domingo, o Rio Grande do Sul confirmou mais uma vítima de gripe súína no país. Foi a 12ª morte no estado e a 34ª confirmada no país. O calçadista Eder Curvello Roth, 20 anos, faleceu na noite de sábado por volta das 22h30min. Ele ficou 13 dias internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), no Hospital Montenegro. As informações são do jornal Zero Hora, de Porto Alegre.

O Rio Grande do Sul é um dos estados que mais preocupa pela contaminação de gripe suína, devido às baixas temperaturas. Em algumas cidades gaúchas, o termômetro está marcando abaixo de zero. O Ministério da Saúde liberou recentemente R$ 2 milhões para o combate à doença no estado da região Sul.

Mau atendimento

A família do jovem reclama do mau atendimento que recebeu da rede de saúde em São Sebastião do Caí. Segundo a madrasta Ana Paula da Silva, Eder procurou ajuda médica desde o dia seis de julho por cinco vezes em postos de saúde e no hospital da cidade.

Ele sempre estava com febre entre 39°C e 40°C, tossindo muito e com dores pelo corpo. Mesmo assim, era simplesmente medicado e liberado lembra Ana Paula.

Segundo ela, Eder não era diabético e nem tinha problemas de pressão, mas era obeso.

O atendimento só teria sido feito de forma adequado no dia 12, quando o estado grave forçou os médicos a transferi-lo do Hospital Sagrada Família, em São Sebastião do Caí, para Montenegro.

De acordo com a chefe de enfermagem do Hospital Sagrada Família, Marta Biespeorf, o primeiro registro de consulta de Eder é do dia 11, quando teria apresentado vômito, náusea e diarreia, o que não representa o quadro da gripe. A falta de ar só foi registrada no dia seguinte, data em que foi encaminhado para Montenegro.

O secretário de Saúde da cidade, Fernando Cofferri, disse não ter registros de que Eder procurou atendimento em postos da rede municipal.