Hospital em BH instala contêiner para pacientes com gripe suína

Ney Rubens, Portal Terra

BELO HORIZONTE - O Hospital Felício Rocho, em Belo Horizonte (MG), iniciou nesta terça-feira a instalação de dois contêineres que funcionarão do lado externo do prédio para atender a pacientes com suspeita de contaminação pelo vírus Influenza A (H1N1), que causa a gripe suína.

Segundo o hospital, a estrutura terá um setor de triagem para evitar o contato de pessoas contaminadas com outros pacientes, acompanhantes e funcionários.

Nesta terça foi instalado o primeiro contêiner, que funcionará como uma sala de espera. No local foram colocadas cadeiras reclináveis e com suporte para colocar as pernas suspensas. Cinco pessoas poderão aguardar na sala para a realização de consultas e exames.

Está prevista para esta quarta-feira a chegada do segundo contêiner que servirá de consultório médico. A previsão é que até quinta-feira o novo consultório já esteja funcionando. A partir daí, o paciente que for diagnosticado com o quadro de contaminação pela gripe suína será encaminhado aos centros de tratamentos instalados pela Secretaria de Saúde do Estado.

Segundo o Ministério da Saúde, há 90 casos confirmados da doença em Minas Gerais.

No Brasil

De acordo com o ministério, foram confirmados no País 905 casos de gripe desde o dia 8 de maio. O Estado mais afetado é São Paulo, com 402 confirmações. No último dia 28, um gaúcho de 29 anos morreu após contrair a doença. Foi a primeira e única vítima fatal registrada no País.