Android ganha apoio da indústria de celulares

REUTERS

HELSINQUE - O sistema operacional Android, do Google, está ganhando apoio na indústria de celulares, com 8 milhões de aparelhos Android a serem vendidos em 2009, volume mais de 10 vezes maior frente ao ano passado, informou a empresa de pesquisa do mercado de tecnologia Strategy Analytics, nesta segunda-feira.

Com o mercado geral de aparelhos despencando à medida que a economia desacelera globalmente, a indústria de celulares está focando os investimentos em smartphones mais avançados e softwares.

O Android foi lançado nos Estados Unidos na segunda metade de 2008, e agora todas as principais marcas de aparelhos, exceto a Nokia, afirmam que usarão o sistema do Google.

- O Android agora está em uma boa posição para se tornar um sistema importante no mercado de smartphones nos próximos dois ou três anos - disse Neil Mawston, diretor da Strategy Analytics.

Mawston acrescentou que os fabricantes de smartphones e operadoras, como a T-Mobile e a Vodafone, estão atraídas pelo modelo de custo relativamente baixo do Android, pela estrutura de código-fonte semi-aberto e pelos serviços de suporte do Google.

Apesar do crescimento de 10 vezes em 2009, com 8 milhões de aparelhos a serem vendidos, o Android continuará bem atrás do líder de mercado Symbian, da Research in Motion, da Microsoft e da Apple.

Em média, o mercado de smartphone deve crescer de 10 a 20 por cento neste ano em relação aos 152 milhões de aparelhos comercializados em 2008.

A Nokia utiliza apenas o Symbian em seus smartphones. O sistema também é plataforma principal da Sony Ericsson, que afirmou que também adotará Windows e Android como ofertas complementares.