Gripe suína: após susto, prefeitura e estado preparam ações

Felipe Sáles, Jornal do Brasil

RIO - Uma série de decretos dos governos municipal e estadual para prevenir uma possível epidemia da Influenza A (H1N1) no Rio serão publicados terça-feira pelo governador Sérgio Cabral e o prefeito Eduardo Paes, conforme anunciado segunda-feira durante reunião com secretários municipais e estaduais de Saúde. Técnicos da área e representantes do setor empresarial farão reuniões semanais e vão elaborar protocolos para orientar a população na prevenção da doença. Até terça-feira, o Rio tem três casos suspeitos, já que um de uma mulher de 50 anos que morreu segunda-feira foi praticamente descartado pelas autoridades.

A paciente chegou ao Hospital Barra D'Or no fim de semana e morreu de infecção generalizada. Autoridades descartam a possibilidade de gripe suína porque a paciente não apresentava problemas respiratórios um dos principais sintomas mas sentia febre alta, dor de cabeça e ânsia de vômito.

Como ela foi internada 48 horas depois de chegar dos EUA, o hospital decidiu informar o caso à Anvisa. Por precaução, a Fundação Oswaldo Cruz (FioCruz) vai analisar o material colhido da paciente para fazer os exames, que deverão ficar prontos até quarta-feira.

Força-tarefa

Apenas três casos permanecem suspeitos no Rio e outros 10 foram descartados. Apesar disso, os governos municipal e estadual planejam uma força-tarefa para tentar evitar que o Influenza A se alastre.

"Criaremos um grupo técnico de trabalho para avaliar a situação do país e do Rio e definir ações", contou o secretário estadual de Saúde, Sérgio Côrtes. "Vamos fazer um manual com orientações. Como por exemplo, lavar as mãos, tossir com a mão na boca. Vai ser distribuído principalmente nas escolas. Estamos com a vigilância e sensibilidade extremamente elevadas, ou seja, todos os possíveis casos estão sendo isolados o mais rápido possível.", disse o secretário..

A partir de terça-feira, o centro de operações contra a gripe suína será instalado na Defesa Civil estadual, na Praça da Bandeira.