Nasa suspende teste de reciclador de urina da ISS

REUTERS

CENTRO ESPACIAL KENNEDY - A Nasa suspendeu neste domingo os testes do reciclador de urina da Estação Espacial Internacional, e também reformulou os planos para caminhada espacial de segunda-feira, para o conserto de uma conexão na plataforma de carga.

A caminhada espacial de segunda-feira é a última de três planejadas durante a missão do vôo na estação espacial, que está praticamente finalizada depois de mais de uma década de construção.

Os engenheiros estão tentando descobrir por que um sistema de purificação de água que recicla urina e a condensa em água potável não está funcionando adequadamente. A tripulação do Discovery levou um novo destilador para um equipamento do tipo centrífuga que no sábado foi testado com sucesso sem líquidos.

Os problemas solucionados no primeiro teste apareceram neste domingo, quando foi usada a urina.

A Nasa quer ter o reciclador de urina funcionando antes de ampliar a tripulação de três para seis membros, em maio.

A principal meta do vôo da Discovery era levar e instalar o último conjunto de partes de painéis solares da estação, o que foi efetuado na quinta-feira. A nave partiu do Centro Espacial Kennedy no dia 15 de março para uma missão de 13 dias.

Já que o fim da frota de ônibus espaciais está previsto para o próximo ano, a Nasa espera que os astronautas da Discovery também completem várias tarefas de manutenção que irão aliviar a carga trabalho de futuras tripulações.

A caminhada espacial de segunda-feira já estava com tempo restrito por causa do cancelamento de uma quarta saída dos astronautas da nave. A Nasa reduziu um dia da missão e cancelou a última caminhada depois que a Discovery teve de ser lançada com cinco dias de atraso por causa de um vazamento de combustível de hidrogênio.

O ônibus precisa partir da estação até quarta-feira para evitar um conflito de horários com a cápsula russa Soyuz que leva a próxima tripulação da estação.

A nave é esperada no Centro Espacial Kennedy no sábado.