Robô passeia e fala com os visitantes na Campus Party Brasil

Portal Terra

SÃO PAULO - Ele anda pelos corredores da área de exposições da Campus Party e chama muita atenção. Assusta alguns quando, com sua voz grossa, pede passagem: 'com licença'. Além de educado, ele é gentil e saúda os visitantes: 'Bem-vindos à Campus Party'. Ele é Impactus, um robô de 2,30 m de altura e 250 kg criado para ser alugado e exibido em festas e eventos.

As pessoas pensam que ele se move sozinho. Mas basta olhar em volta com atenção para se enxergar,a alguns metros, Luciano Rodrigues com um controle sem fio na mão. Rodrigues é o dono da Roboshow, empresa de entretenimento que desenvolveu Impactus.

- Ele é parcialmente feito com material reciclado, inclusive os motores - explica.

O robô tem duas possantes caixas de som (12 mil watts, segundo Rodrigues) e interage com voz e movimento. Impactus, diz seu criador, é capaz de responder a perguntas simples como 'tudo bem, robô?' e é um recepcionista perfeito.

A empresa existe há dois anos e Impactus é sua estrela. Por enquanto, única. Mas Rodrigues conta que um novo robô está a caminho, e este portará um microfone para conversar com as pessoas. 'Será o 'repórter', e vamos lançá-lo em breve', anuncia.

Quando não está passeando pelos corredores, tirando fotos com os admiradores ou pedindo licença para poder passar pelas pessoas que o cercam e seguem insistentemente, Impactus pode ser visto num estande da Telefônica na área de Exposições, que é aberta ao público das 10h às 22h. Na internet, mais informações sobre o robô podem ser encontradas no site www.roboshow.com.br.

A Campus Party Brasil 2009 se realiza no Centro de Exposições Imigrantes, em São Paulo, até o próximo domingo.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais