Imagem em cores mostra diferenças em lua de Saturno

Portal Terra

WASHINGTON - A Nasa, agência espacial americana, divulgou nesta terça-feira em seu site uma concepção artística de Dione, a lua congelada de Saturno, em que identifica diferenças de cores na superfície do satélite. Segundo os cientistas, as colorações ainda não foram entendidas por completo, mas podem ser o resultado de variações sutis na composição do solo ou do tamanho dos grãos que formam a crosta glacial.

Os traços do extenso histórico de atividade geológica desde a formação do satélite, segundo explica a Nasa, são representadas pelas falhas tectônicas e crateras que podem ser vistas na fotografia do Jet Propulsion Laboratory (JPL).

A partir de imagens produzidas em ultra-violeta, infravermelho e verde, e combinadas a uma única em preto e branco, os pesquisadores conseguiram diferenciar em cores os detalhes da superfície lunar.

Dione é um dos 13 satélites de Saturno e orbita a 377,4 mil km do segundo maior planeta do Sistema Solar. O descobridor foi o astrônomo Giovanni Domenico Cassini em 1684. Em outubro de 2005, a sonda espacial Cassini fez a maior aproximação da lua, chegando a 500 km de distância. A solidez que compõe o satélite possui cerca de 60% de gelo e 40% de rocha.