Ímã mais poderoso do mundo é construído nos EUA

Portal Terra

EUA - Você provavelmente já ouviu histórias sobre ferimentos ou mortes causadas em pacientes quando alguém entra com um objeto de metal pesado na mesma sala de um aparelho de ressonância magnética.

Obviamente, nós estamos falando de ímãs bem poderosos. No entanto, o ímã de US$ 10 milhões em construção no National High Magnetic Field Laboratory, na Flórida, deve chegar a 100 tesla - mais ou menos 67 vezes a potência de um aparelho de ressonância magnética comum.

Esta é a potência necessária para testar as propriedades de supercondutores de alta temperatura, tais como arsenieto de ferro, que podem resultar em aparelhos de ressonância magnética melhores e mais baratos, além de linhas de alta voltagem.

Ele também pode ser usado para certos experimentos com gravidade zero e sistemas de propulsão magnética que podem eliminar a necessidade de foguetes tradicionais.

Os pesquisadores têm criado campos magnéticos de mais de 100 T há anos, mas se o ímã der certo, ele pode ser o primeiro a de fato conseguir manter a tensão.

De acordo com Greg Boebinger, diretor do Laboratório da Flórida, o ímã terá que resistir a forças de Lorentz "equivalentes à força explosiva de 200 bananas de dinamite concentradas em um volume de espaço do tamanho de uma bola de gude".