Falta de sono pode acarretar inflamações

Jornal do Brasil

RIO - A falta de sono pode levar o sistema imunológico a se voltar contra tecidos e órgãos saudáveis, causando uma inflamação. É o que mostra uma pesquisa que será publicada este mês na revista acadêmica Biological Psychiatry.

Os pesquisadores da Universidade da Califórnia, em Los Angeles, afirmam que perder o sono mesmo que por poucas horas da noite pode causar uma reação que leva a inflamações. Ao contrário, uma noite bem dormida pode reduzir o risco de doenças do coração e desordens auto-imunes como a artrite reumotóide.

Para chegar à conclusão, a equipe mediu em voluntários os níveis do chamado NFkb, um fator nuclear de transcrição que desempenha um papel vital na sinalização de inflamações em adultos saudáveis. As medições foram feitas nos participantes em três situações: depois de uma noite normal de sono, depois de uma noite em que eles ficaram acordados das 23hs às 3hs e depois de uma noite de recuperação.

Na manhã depois da noite em que houve a privação parcial de sono, os pesquisadores constataram que os níveis do NFkb eram muitos mais altos do que nas manhãs que se seguiram às outras duas noites. No entanto, esse aumento de uma resposta inflamatória só foi verificado em mulheres.

Quanto mais analisamos o assunto, mais percebemos os benefícios de uma boa noite de sono. Nesse caso, a pesquisa forneceu provas de que a privação do sono está associada com um aumento de processos inflamatórios no corpo afirmou John H. Krystal, editor do Biological Psychiatry.

Para Krystal, os resultados oferecem um caminho pelo qual o combate de distúrbios do sono pode melhorar a saúde .