Em três anos, dobra número de brasileiros com internet em casa

REUTERS

SÃO PAULO - O número de brasileiros com algum tipo de acesso à internet em casa dobrou no período de três anos, segundo levantamento do Ibope//NetRatings divulgado nesta quinta-feira.

Em junho de 2005, segundo a pesquisa, eram 18,3 milhões os brasileiros com acesso residencial à web, número que em junho deste ano saltou para 35,5 milhões. O ano de 2005 também marcou o início dos incentivos fiscais do governo para a compra de microcomputadores, na chamada Lei do Bem.

Em relação ao tempo médio de navegação no mês, o salto foi de 39,8% de 2005 para cá. O tempo médio mensal em junho daquele ano era de 16 horas e 54 minutos, mas no mês passado subiu para 23 horas e 12 minutos.

O número de junho de 2008, ainda que tenha representado uma queda de 36 minutos sobre o tempo registrado em maio, mantém o Brasil como país onde a população passa mais tempo conectada, com três horas à frente do segundo colocado, a Alemanha, cujo tempo médio de navegação foi de 20 horas e 11 minutos em junho.

A queda sobre maio, na avaliação do Ibope, se deveu ao fato de junho ter um dia a menos (30 dias). O número de usuários ativos, aqueles que acessam a internet pelo menos uma vez no mês, cresceu para 22,9 milhões, ante os 18 milhões existentes em junho do ano passado e os 11,5 milhões em junho de 2005.

Os dados relativos ao primeiro trimestre de 2008 do Global Internet Trends indicam que 41,565 milhões de pessoas com 16 anos ou mais declararam ter acesso à internet em qualquer ambiente (casa, trabalho, escola, cybercafés, bibliotecas e outros locais).