Gripe aviária já afeta 30 distritos em Bangladesh

Agência EFE

NOVA DÉLHI - A epidemia de gripe aviária detectada recentemente em Bangladesh já afeta 30 dos 64 distritos do país, depois que os analistas confirmaram um novo foco em Khulna.

A fonte, citada pela agência 'UNB', confirmou que os testes de um laboratório de Daca deram positivo depois que quatorze frangos morreram na semana passada em um sítio do distrito de Khulna, a zona industrial mais importante do país.

As autoridades locais ativaram as medidas preventivas e desinfetaram os arredores do local onde o caso foi detectado.

Na vizinha Índia, a epidemia continua avançando, apesar da intensa campanha de sacrifício de aves realizada pelo Governo do estado oriental de Bengala, onde se concentram os casos da gripe aviária.

A Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação (FAO) advertiu recentemente que a gripe aviária continua sendo 'uma ameaça mundial', por causa dos focos registrados na Índia, Bangladesh, Benin, China, Egito, Alemanha, Indonésia, Irã, Israel, Mianmar, Polônia, Rússia, Ucrânia, Turquia e Vietnã.