Irã entra em alerta com "suicídio de golfinhos"

Portal Terra

TEERÃ - Ambientalistas do Irã estão em alerta com o aparente suicídio em massa praticado por 152 golfinhos nos dois últimos meses. Mas, de acordo com autoridades ouvidas pela agência AFP nesta segunda, a pesca na costa do Irã seria a culpada pela morte dos animais.

No fim de setembro, 79 golfinhos foram encontrados ao longo da costa do país. Em outubro, as carcaças de outros 73 animais foram achadas nos mesmos pontos.

De acordo com o jornal do governo, os golfinhos "deliberadamente encalharam na areia". "Moradores da região tentaram levar os animais de volta à água, mas eles recusaram-se a retornar", escreveu o diário citando ambientalistas.

Já Mohammad Baqer Nabavi, chefe da Organização de Proteção Ambiental do Irã diz acreditar que os gofinhos se afogaram por ficarem presos em redes de pesca. Ele descarta a hipótese de que as águas estejam poluídas. "Não encontramos traços de poluentes em seu sistema digestivo".