Comidas diet aumentariam obesidade infantil

Portal Terra

WASHINGTON - As comidas e bebidas dietéticas podem causar um consumo excessivo de alimentos de crianças e, consequentemente, obesidade, um problema considerado uma epidemia nos Estados Unidos, diz um estudo divulgado pela revista Obesity.

A pesquisa realizada por cientistas da Universidade de Alberta, no Canadá, afirma que, em geral, os animais tendem a relacionar o sabor de um alimento com a quantidade de energia que contêm.

Entretanto as crianças podem confundir esta informação, o que pode as levar a comer em excesso quando estão em pleno desenvolvimento.

Segundo David Pierce, sociólogo da Universidade de Alberta e autor do estudo, "é melhor que os pequeninos consumam alimentos saudáveis em dietas balanceadas com calorias suficientes para suas atividades diárias e não lanches ou pratos pequenos de baixas calorias".

Os cientistas chegaram a esta conclusão sobre a obesidade infantil após uma série de experiências com ratos nas quais demonstraram que os alimentos e bebidas de baixas calorias provocaram um consumo excessivo de comida, tanto em animais de peso normal como em obesos.

Embora os dois tipos de roedores tenham ingerido comida em excesso, a maior quantidade de calorias teve implicações graves nos quais eram obesos, disseram os cientistas.

Pierce afirmou que este "processo de condicionamento" poderia explicar outros estudos como o realizado recentemente por cientistas da Universidade de Massachusetts.

Eles descobriram que existe uma relação entre as bebidas dietéticas (entre as crianças) e um maior risco de obesidade, diabetes e doenças cardíacas.

- Uma coisa é clara. Nossa pesquisa demonstrou que se pode induzir os animais jovens a comer em excesso com alimentos e bebidas de baixas calorias fornecidos de forma diária e que isto altera seu equilíbrio fisiológico e energético - declarou Pierce.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais