Gore pede ajuda a empresários asiáticos na luta contra o aquecimento

Agência JB

CINGAPURA - O ex-vice-presidente americano Al Gore, pediu nesta terça-feira em Cingapura aos empresários asiáticos que contribuam para combater a mudança climática, e acusou as companhias que mais poluem de organizar uma campanha para confundir os consumidores.

Gore, que há vários anos desenvolve uma intensa campanha mundial para chamar a atenção sobre os efeitos da mudança climática, é um dos palestrantes convidados no Fórum Marca Mundial, que reúne executivos de grandes companhias asiáticas.

O ex-vice-presidente dos Estados Unidos disse também que os consumidores de quase todos os países do mundo estão se dando conta dos efeitos do aquecimento global, e optam cada vez mais pelas empresas e atividades que demonstram responsabilidade social.

Em seu discurso, Gore disse também que "existe uma campanha organizada, financiada com cerca de US$ 10 milhões por alguns dos maiores poluidores, para criar a impressão de que há desacordo entre a comunidade científica".

Segundo Gore, "eles tentam manipular a opinião e tomam os consumidores por imbecis", citando nominalmente a petrolífera Exxon Mobil como uma das envolvidas na campanha de distorção sobre os efeitos da mudança climática.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais