Sul-coreano fala em recompensar fãs por "madrugadas sem sono"

Portal Terra

JOHANNESBURGO - O apoio maciço da população sul-coreana para a seleção de seu país na Copa do Mundo da África do Sul não passou despercebido pelo técnico da equipe, Huh Jung-Moo, que afirmou que pretende recompensar o esforço dos torcedores pelas noites em claro para acompanhar as partidas.

Por causa do fuso horário, a partida diante da Nigéria, que selou a classificação do time às oitavas, começou às 3h30 do horário local. Apesar disso, milhares de pessoas se uniram para assistir ao confronto com os africanos. Segundo a polícia, 500 mil torcedores, a grande maioria em vermelho, espalhados pelo país, viram o empate em telões públicos.

"Todos os nossos jogadores conseguiram a classificação graças ao esforço e trabalho duro, e nós não queremos parar por aqui. Nós queremos chegar às quartas para retribuir todos os nossos fãs e espectadores na Coreia do Sul, aqueles que têm passado suas noites torcendo por nós", disse o treinador ao site da Fifa.

Para o duelo contra os uruguaios, Huh reconheceu que o setor defensivo (sofreu seis gols em três jogos) tem sido um ponto fraco até aqui, mas já tem uma estratégia para contornar o problema. "O Uruguai tem uma defesa muito boa, e opostamente nós deixamos os adversários marcarem contra nós. Mas nós também marcamos, nós teremos apenas que compensar, fazendo dois para cada um sofrido", explicou.