Atentos a Maicon, portugueses pedem: "joguem a bola para C. Ronaldo"

Portal Terra

JOHANNESBURGO - A força ofensiva do lateral Maicon chama atenção e preocupa os portugueses, no dia do duelo que define a ordem dos classificados do Grupo G às oitavas de final. O autor do primeiro gol brasileiro na Copa do Mundo da África do Sul ganha destaque nas páginas do jornal A Bola, que chama o jogador de Inter de Milão de "talvez o maior desequilibrador deste Brasil".

Para conter Maicon, os lusos confiam na boa fase do também lateral, só que do lado esquerdo, Fábio Coentrão. Convocado pela primeira vez pelo técnico Carlos Queiroz em novembro de 2009, para o decisivo duelo contra a Bósnia, na repescagem das Eliminatórias Europeias para a Copa, o jogador se firmou na posição e vem sendo muito elogiado por sua participação no Mundial.

Já o astro Cristiano Ronaldo, apesar de estar pendurado com um cartão amarelo, não deverá ser poupado. Citado como "um capitão exemplar na força motriz que cria para a equipe", o atacante do Real Madrid deve ser bastante procurado pelos companheiros.

O jornal inclusive lembra da passagem do português pelo Manchester United, quando o treinador Alex Ferguson pedia aos seus jogadores, durante o intervalo dos jogos, para "meterem a bola no Ronaldo".