Números da primeira rodada favorecem México contra França

Portal Terra

JOHANNESBURGO - Se o torcedor levar em conta as estatísticas da primeira rodada da Copa do Mundo, o México é favorito contra a França no jogo de logo mais, às 15h30 (de Brasília), pelo grupo A, em Polokwane. Na estreia do Mundial, os mexicanos foram mais precisos nos chutes a gol e, principalmente, no toque de bola, fundamento no qual estão entre as 10 melhores seleções do torneio até o momento, segundo os números da Fifa.

A pontaria dos mexicanos no jogo inaugural foi melhor do que a francesa. Foram 14 tentativas contra os Bafana-Bafana, das quais cinco foram ao gol de Khune. Giovani dos Santos, considerado o melhor em campo, foi responsável por três. Já a seleção de Raymond Domenech arriscou mais contra o Uruguai (18 chutes), mas só acertou o alvo defendido por Muslera três vezes. Anelka bateu em gol apenas uma vez contra três arremates para fora do gol.

No toque de bola, os latinos também têm vantagem. O time dirigido por Javier Aguirre atingiu 79,68% de aproveitamento nos passes contra a África do Sul, com 447 acertos em 561 tentativas. O destaque no primeiro jogo da Copa foi Francisco Rodriguez, com 94.59% de correção, servindo os companheiros 70 vezes. Os franceses, contra o Uruguai, trocaram passes 531 vezes, mas só 369 foram completos. O zagueiro Patrick Evra foi o melhor neste quesito contra a celeste olímpica, com 68,42%.

O México também foi mais efetivo na bola aérea, acertando 26,67% dos cruzamentos contra o time de Carlos Alberto Parreira. A França obteve somente 20% de aproveitamento contra os uruguaios na partida de estreia. No histórico de confrontos, franceses e mexicanos se enfrentaram seis vezes. Les bleus ganharam cinco vezes e empataram uma; marcaram 15 gols e levaram apenas quatro.