Especialistas alertam para organização de estudos durante a Copa

JB Online

RIO - Que brasileiro é louco por futebol e que não há como não assistir aos jogos da Copa do Mundo pelo menos os da nossa seleção isso todo mundo sabe. No entanto, às vésperas de concursos públicos o dilema entre acompanhar a competição e se engalfinhar com apostilas vem tirando o sono de milhares de concurseiros. Para especialistas, organização nesse período é fundamental para que o ritmo de estudos não seja prejudicado.

Não é necessário se alienar do mundo ao redor para passar em um concurso público; basta dedicação, garra e organização. É importante que o candidato não tire férias dos estudos durante a Copa, dessa forma perderá o hábito já estabelecido e terá dificuldade de retomá-los ao fim da competição. Voltar a estudar depois de um tempo parado é bastante doloroso e requer mais força de vontade do que reorganizar o tempo de estudo durante a competição. Aconselho montar uma planilha com as horas dos jogos do Brasil e outros que venham a interessar , ensina Paulo Estrella, diretor pedagógico da Academia do Concurso.

Segundo ele, organizar o estudo é agendar todo o tempo possível para esse fim . De nada adianta abrir uma apostila e não conseguir ler ou interpretar o que está estudando. O candidato deve principalmente ser honesto com ele mesmo fazendo uma programação possível de ser cumprida, mesmo que isso signifique uma pequena redução do tempo destinado ao estudo. O principal de tudo é nunca parar de estudar , avisa Estrella.

A questão fundamental é como conciliar os jogos com apostilas sem prejuízo para o candidato, de acordo com o especialista. O candidato deve planejar seu tempo de estudo. A agenda de estudos programada para o período fora da Copa deve ser revista. Os horários dos jogos devem ser marcados como tempo de diversão. Quem está estudando com a prova marcada, edital já publicado, não pode perder tempo. Nesse caso, se quiser assistir a algum jogo, que seja somente os do Brasil , afirma.

Para Lia Salgado, autora do livro Como vencer a maratona dos concursos públicos , a saída para o dilema Copa do Mundo X estudos é intermediária : A solução intermediária parece-me a mais indicada: seguir estudando normalmente e parar apenas para os jogos do Brasil. Para isso, reorganizar os horários de modo a compensar o tempo gasto com os jogos em outro momento. Aumentar um pouco o período de estudo da noite, começar o dia um pouco mais cedo ou utilizar um tempinho do fim de semana podem ser boas soluções. Assim, é possível torcer sem a preocupação de estar comprometendo o projeto concurso público , afirma.

Os concursos continuam acontecendo nesse período, em todas as suas etapas: autorizações, editais, provas, recursos. Quem souber aproveitar esse tempo, levará vantagem. E, provavelmente, assistirá à próxima Copa com todo o conforto e tranquilidade, já como servidor público , prevê a especialista.

Na opinião de Carlos Eduardo Guerra, professor do Centro de Estudos Guerra de Moraes, "parar de estudar será efetivamente prejudicial . Recomendo que o aluno veja os jogos e comemore, sem excessos, mas mantenha o estudo, reorganizando a rotina e diminuindo, nos dias de jogos, o número de horas de estudo, mas sem parar .

INFORMAÇÕES DA ASSESSORIA DE IMPRENSA