Fred foi o assunto do dia mesmo após goleada

Jornal do Brasil

RIO DE JANEIRO - Mesmo à distância, Fred foi o assunto principal sexta-feira, no Fluminense. A imprensa internacional noticiou que o irmão e procurador do jogador, Ricardo Chaves, admitiu ter sido procurado por dirigentes do Sevilla. No Rio, o coordenador Branco quer o atacante se recuperando da lesão na virilha junto do restante do grupo. Fred está em Belo Horizonte e por ora seu retorno é incerto, pois nem o técnico Renato Gaúcho sabe o que será do seu camisa 9.

Não sou a favor nem contra o jogador ficar em Belo Horizonte. Sou a favor da recuperação do jogador. Vou ver com os médicos discursou o treinador.

Internamente, a decisão do atacante de se tratar na capital mineira intrigou membros da comissão técnica. Pela fase atual, entende-se que seria momento de o jogador estar perto do grupo. Assim, Branco, em seu primeiro dia na função de coordenador, foi contra a viagem do atacante. Disse, ainda, que exigiria o retorno do jogador.

Fred tem ainda mais um mês de recuperação. Pelo menos ele deve voltar ao Fluminense, já que, por intermédio de sua assessoria, o jogador disse que não pretende deixar o clube neste momento.

Fica feliz em saber do interesse do Sevilla, mas meu pensamento é ficar no Fluminense e ajudar o time a sair dessa situação delicada contou o atacante.

Reforços confirmados

Um dia após a goleada de 5 a 1 sobre o Sport, o clube oficializou as contratações do atacante Adeílson e do zagueiro Gum. Branco passou a sexta-feira em São Paulo cuidando de detalhes do contrato. Adeílson, ex-Ipatinga e Nice, está na França e só ser apresentado no começo da semana. Já o zagueiro, ex-Ponte Preta, também não tem dia certo para chegar às Laranjeiras.

São jogadores que interessam e vão nos ajudar neste momento disse o técnico Renato Gaúcho.