Arrasador, Guarani vence e quebra marca do Corinthians

Portal Terra

DA REDAÇÃO - Agora com sete vitórias e um empate, o Guarani bateu o São Caetano em casa por 1 a 0 e se distanciou cada vez mais na liderança da Série B. Com 22 pontos, a invicta equipe de Campinas está a sete pontos do segundo colocado, o Brasiliense. De quebra, os donos da casa passaram o Corinthians, que no ano passado tinha 20 pontos na oitava rodada, sustentando agora o melhor início da história da segunda divisão. Já o time do ABC segue na incômoda vice-lanterna do torneio, com quatro pontos.

O Guarani controlou o primeiro tempo, enquanto o São Caetano se defendia e tentava sair em contra-ataque. Nem a estreia dos atacantes Washington e Mateus e do zagueiro Douglas ajudaram o time do ABC a conseguir a segunda vitória no torneio. A melhor jogada dos visitantes na etapa inicial foi aos 7min, quando Washington recebeu passe de Vandinho e bateu no canto, para a boa defesa de Douglas.

Depois desse lance, a equipe da casa atacou bem mais, quase abrindo o placar aos 30min com chute perigoso de Maranhão. O gol finalmente saiu aos 40min. Andrezinho cobrou falta e, encoberto por Anderson Marques, Luiz saiu mal do gol e deixou a bola cair no pé de Ricardo Xavier, que apenas precisou empurrar a bola para o fundo das redes.

O São Caetano tentou sair mais para o jogo no segundo tempo, mas viu seus ataques serem frustrados pela má pontaria dos atacantes. O goleiro Douglas só precisou trabalhar aos 21min, quando espalmou para escanteio bola cruzada por Mateus.

A situação da equipe do ABC melhorou aos 32min, quando Ricardo Xavier foi expulso após entrada por trás em Adriano. Com um a mais, os visitantes passaram a controlar a bola no campo de ataque e a lançar a bola na área. A grande chance do São Caetano parou nas mãos de Douglas aos 42min, quando o goleiro espalmou cobrança de falta. Três minutos depois, o goleiro fez nova defesa milagrosa e garantiu a vitória campineira.

Ficha Técnica

Gols

Guarani: Ricardo Xavier, aos 40min do 1º tempo.

Lance bizarro

Aos 29min do primeiro tempo, o árbitro Rodrigo Martins Cintra escorregou em lance isolado e caiu no gramado, para o delírio da torcida do Guarani. O juiz repetiu a dose aos 24min da segunda etapa.

Lance polêmico

Aos 15min, Walter Minhoca se jogou no gramado quando entrava na área, mas a arbitragem, além de não ver pênalti, deu cartão amarelo ao meia.

Ponto Forte do Guarani

Jogadas pela direita no primeiro tempo com Maranhão

Ponto Fraco do Guarani

Excesso de entradas violentas

Ponto Forte do São Caetano

Bola parada no segundo tempo

Ponto Fraco do São Caetano

Erros de passe

Personagem do jogo

Douglas, que garantiu a vitória com grandes defesas no segundo tempo

Esquema Tático Guarani

4-4-2

Douglas; Maranhão, Bruno Aguiar, Márcio Alemão e Andrezinho; Gláuber (Nunes), Cléber Goiano, Rodriguinho e Walter Minhoca (Nei Paraíba); Caíque e Ricardo Xavier; Técnico: Vadão

Esquema Tático São Caetano

3-5-2

Luiz; Marcelo Batatais, Anderson Marques (Mateus) e Douglas; Roger, Ademir Sopa, Adriano, Marcinho (Gerson) e Éverton Ribeiro; Vandinho (Marinho) e Washington; Técnico: Antonio Carlos

Cartões Amarelos

Guarani: Márcio Alemão, Rodriguinho e Walter Minhoca

São Caetano: Ademir Sopa, Adriano e Washington

Cartão Vermelho

Guarani: Ricardo Xavier

Árbitro

Rodrigo Martins Cintra (SP)