Na estréia de Pintado, Ponte fica no empate com Atlético-GO

Portal Terra

DA REDAÇÃO - Jogando no Serra Dourada, a Ponte Preta empatou com o Atlético-GO em 1 a 1. A partida marcou a estreia do técnico Pintado no comando do time paulista. Com o resultado, a equipe de Campinas permaneceu na 11ª posição da tabela da Série B, enquanto o time da casa subiu para a quinta colocação.

O Atlético-GO começou melhor o jogo, controlando o jogo no campo de ataque e tentando jogadas pelas alas. A Ponte Preta tinha sérias dificuldades para sair da defesa e errava muitos passes. Aos 10min, Robston cruzou bola na área e Elias cabeceou com perigo por cima do travessão.

A resposta do time campineiro veio aos 16min, quando o argentino Savóia teve boas chances de completar cruzamento pela direita, mas o atacante errou a cabeçada. O Atlético-GO passou, então, a apostar na bola de fora da área, aproveitando que esse foi o primeiro jogo do goleiro Gilson na Série B (ele substituiu Aranha, negociado com o Atlético-MG).

O goleiro mostrou que, mesmo sem ritmo, era capaz de fazer boas defesas, uma vez que soube defender as finalizações à distância do time da casa. Elias era quem mais testava o arqueiro da Ponte.

No segundo tempo, o jogo voltou mais movimentado, com as duas equipes tendo boas chances de marcar. Aos 3min, Juninho cruzou para Marcão, que cabeceou para a boa defesa de Gilson. Dois minutos depois, Savóia recebeu bola na área e finalizou levando perigo ao gol de Márcio.

A melhor chance de gol do Atlético-GO veio aos 17min, quando Marcão aproveitou confusão na área e finalizou à queima-roupa, para a excelente defesa de Gilson. A resposta da Ponte veio aos 25min, quando a bola caiu no pé de Gum após chute de Danilo Neco acertar a trave. O zagueiro do time campineiro só precisou empurrar para o fundo das redes, abrindo o placar.

O time da casa não se abateu e continuou a pressionar a Ponte Preta. As jogadas ofensivas, porém, paravam na falta de pontaria dos atacantes e meias. A persistência fez valer a pena aos 36min, quando Marcão cruzou bola a partir da ponta-esquerda e Jaílson completou para o fundo do gol.

Insatisfeitos com o empate, os goianos seguiram no ataque e por pouco não viraram o jogo aos 40min, quando Rafael Cruz lançou bola na área e a defesa adversária tirou de cabeça. A bola parada de Elias tornou-se a última arma do Atlético-GO para tentar a vitória, mas os zagueiros da Ponte conseguiram garantir o empate.

Na próxima rodada, a Ponte Preta recebe a Portuguesa, no dia 6 de junho, sábado, às 21h50. Já o Atlético-GO visita o Campinense na próxima sexta-feira, dia 5, às 21h.