Com 3 suspensos, Dorival tem chance de fazer testes contra o Mesquita

Márcia Vieira, Jornal do Brasil

RIO - Dorival Júnior surpreendeu na escalação do Vasco para o jogo desta quarta-feira, às 21h50, contra o Mesquita, em São Januário. Além das três mudanças obrigatórias, devido às expulsões de Carlos Alberto, Titi e Ramon no clássico com o Flamengo, o treinador mexeu também no ataque. Por questões técnicas, Rodrigo Pimpão volta a ter uma nova chance no setor com a saída de Alex Teixeira.

Outra surpresa foi a opção por Gian Mariano, em vez de Leonardo, até então o mais cotado para ocupar a vaga de Titi. Na lateral esquerda outra novidade. Recuperado de um corte na cabeça que lhe rendeu quatro pontos após uma jogada perigosa do goleiro rubro-negro Bruno e de uma amnésia momentânea, Edu Pina treinou na tarde desta terça normalmente e está confirmado.

É o momento de dar condições e de testar outros jogadores. Não perdemos três jogadores para esta partida, ganhamos mais três no nosso time titular garantiu o técnico Dorival Júnior.

A outra mudança é a entrada de Léo Lima no lugar de Carlos Alberto. Mudança que deve perdurar por algumas rodadas, já que o capitão vascaíno ficará fora da equipe por pelo menos duas rodadas.

O Carlos Alberto me procurou após o jogo de domingo reclamando de dores na coxa direita. Os exames constataram um estiramento muscular explicou o médico Alexandre Campello, que acredita ser difícil a entrada do meia até para a partida da próxima terça-feira contra o Macaé.

Com isso, Léo Lima ganha nova chance de se firmar na equipe. Contratado para ser titular, o meia sentiu uma lesão logo no jogo de estreia do Carioca com o Americano e ficou fora das quatro linhas por 45 dias. Voltou justamente na goleada por 4 a 1 diante ao Botafogo, quando entrou no segundo tempo e marcou um gol de pênalti.

Oportunidade para se firmar

Nos jogo seguintes, contra Boavista e Flamengo, Léo Lima voltou a ser opção para o segundo tempo. E nesta quarta, contra o Mesquita, volta a começar uma partida como titular da equipe de São Januário.

Os jogos de que fiquei fora serviram para me condicionar. Saí da equipe por lesão e nada mais justo do que ter agora uma nova oportunidade afirmou o meia, que prometeu fazer de tudo para não deixar escapar a chance. Se eu for bem amanhã (quarta), o professor com certeza vai me manter no time. Farei de tudo para render o máximo nesta partida.

Léo Lima fez questão de ressaltar que que o jogo de hoje não será fácil. O adversário é o último colocado do Grupo B e ainda não pontuou nos quatro jogos disputados. Situação tão crítica que fez com que o treinador Jair Pereira pedisse demissão na tarde de ontem. Ele será substituído por Rubens Filho, que já treinou a equipe em outras temporadas.

Eles estão em uma situação delicada e não podemos facilitar. Se acharmos que vamos ganhar na hora que quisermos, podemos ser surpreendidos alertou o jogador.

VASCO: Tiago; Paulo Sérgio, Fernando, Gian Mariano e Edu Pina; Amaral, Nilton, Léo Lima e Jeferson; Rodrigo Pimpão e Elton. Técnico: Dorival Júnior.

MESQUITA: Fernando; Maricá, João Felipe, Vinicius e Alemão; Alex Braz, Claiton, André e Everton; Fabrício, Ives. Técnico: Rubens Filho.

Local: São Januário.

Horário: 21h50.

Arbitragem: Djalma José Beltrami, auxiliado por Wendel de Paiva Gouvêa e Luiz Antonio Muniz.

Transmissão: Globo.