Dinamite diz que Dorival foi melhor contratação do ano

Portal Terra

RIO - O presidente do Vasco, Roberto Dinamite, comemorou nesta segunda-feira mais uma vitória em clássico na Taça Rio. Após acabar com o Botafogo, na goleada por 4 a 1, o time cruzmaltino passou pelo Flamengo, por 2 a 0, com autoridade. Para o dirigente, o sucesso vascaíno se deve ao técnico Dorival Júnior.

- As pessoas falam que o time é limitado tecnicamente, mas não enxergo dessa forma, o comando alto da equipe é o nosso treinador. Acertamos em cheio com ele. O trabalho do Dorival já era reconhecido, ele tem essa vivência, existia um mercado grande, tinha proposta de Palmeiras, Santos, propostas muito boas. Mas preferiu vir para o Vasco - disse, em entrevista ao Sportv.

O presidente cruzmaltino também destacou o empenho dos jogadores, que assimilaram rapidamente o esquema traçado pelo treinador.

- O mais importante é que eles compraram a idéia junto com o Dorival. Quando contratamos os atletas, pensamos no planejamento. Todos eles já sabiam que teriam que seguir nosso projeto de disputar a segunda divisão e estão mostrando o empenho desde o estadual.

Dinamite rebateu as críticas de que falta qualidade ao elenco vascaíno e citou o meia e capitão Carlos Alberto como exemplo.

- Quero ver você falar algum jogador que tenha mais talento que o Carlos Alberto no futebol carioca.

A boa fase tem rendido bons frutos ao clube. De acordo com o dirigente, as pendências para assinar o contrato de patrocínio com a Eletrobrás, anunciado no início do ano, devem ser solucionadas no início de abril.

- Acredito que no prazo de 10 a 15 dias teremos novidades com relação a isso. Dentro deste período acredito que teremos algo - afirmou o dirigente cruzmaltino.

O acordo costurado com a Eletrobrás é no valor de R$ 14 milhões anuais em dois anos de vínculo, com possibilidade de renovação por mais dois após o período inicial.

O que emperra a assinatura é o fato de o Vasco ainda não ter obtido as Certidões Negativas de Débito com o Governo Federal - atualmente, estima-se que o clube deva desembolsar R$ 8 milhões para isso.

- Faltam estas certidões. Estamos também esmiuçando esta questão para saber realmente o que é e o que não é neste ponto - declarou Roberto Dinamite.