Presidente do Cabofriense nega saída do técnico Ademir

JB Online

CABO FRIO, RJ - O presidente do Cabofriense, Valdemir Mendes, acabou com os rumores sobre uma possível mudança de comando da equipe ao garantir, nesta quarta-feira, que o técnico Ademir Fonseca permanecerá no cargo até o final do Campeonato Carioca. O dirigente avaliou o trabalho realizado pelo treinador, que, na sua opinião, tem sido correto. Valdemir acredita que a saída do técnico poderia desestabilizar ainda mais o time, que não vive um bom momento na competição.

O presidente do clube da Região dos Lagos disse que jogadores, dirigentes e comissão técnica tiveram uma longa reunião após a derrota para o Botafogo, no fim de semana, e garantiu que o clube está fortalecido e pronto para melhorar sua campanha a partir do próximo jogo contra o Friburguense, neste domingo, fora de casa.

- Estamos acompanhando de perto o trabalho do Ademir Fonseca desde dezembro e entendemos que ele e sua comissão técnica estão conduzindo o time da maneira correta. Não vemos motivos para condená-lo, já que o fato do Cabofriense não estar vencendo não é só culpa dele, mas de todos que fazem parte do clube. Tivemos uma longa reunião, após a derrota para o Botafogo, e ficou decidido que sua permanência é o melhor a ser feito nesse momento. Saímos fortalecidos dessa reunião e confiantes de que os resultados começarão a aparecer na próxima rodada contra o Friburguense - disse o presidente.

Apesar de lamentar a campanha do time na Taça Rio até agora, Valdemir Mendes afirmou que esse não é o momento para se mudar todo o planejamento elaborado para a temporada. Ele afirmou que as derrotas para Flamengo, Boavista e Botafogo foram resultados normais dentro das circunstâncias em que aconteceram.

- Acreditamos no planejamento e não podemos derrubá-lo por conta de resultados que não consideramos anormais. Perdemos para o Flamengo, que é sempre um grande adversário no Maracanã. Depois para o Boavista, que vem apresentando um ótimo futebol. Na partida contra o Botafogo, tivemos um atleta expulso ainda no primeiro tempo e isso prejudicou muito a nossa atuação - concluiu.