Bruno dispara contra Andrade no treino e clima na Gávea fica pesado

Julio Calmon, JB Online

RIO DE JANEIRO - O clima ficou pesado entre o goleiro Bruno e o auxiliar técnico Andrade, no treino recreativo desta terça-feira, na Gávea. Durante a atividade, Bruno discutiu com o auxiliar, que se retirou de campo.

O goleiro se irritou com uma marcação de Andrade, que apitava o rachão e disparou contra o ex-jogador.

Como jogador você ganhou muita coisa, mas como treinador você não é nada. Você não é meu treinador disse o goleiro.

Andrade saiu chateado do treino e foi consolado pelo técnico Cuca. Logo depois, durante a coletiva de imprensa, o treinador rubro-negro foi solicitado urgentemente pelo supervisor Isaías Tinoco para o vestiário e teve que abandonar a entrevista. Questionado sobre o que ocorrera, Cuca não deu detalhes.

Fui resolver uma audiência de trabalho explicou.

Há possibilidades de Andrade nem viajar com a delegação para Volta Redonda, onde o Flamengo enfrenta o Duque de Caxias, nesta quarta.