TJD-RJ volta atrás e desiste de denunciar o Vasco

JB Online

RIO DE JANEIRO - O Vasco escapou de ser denunciado pelo TJD-RJ no artigo 231 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que diz respeito a ir à justiça comum antes de esgotadas todas as esferas da justiça desportiva. O tribunal - que chegou a denunciar o clube no tal artigo - voltou atrás e agora abriu apenas um inquérito para apurar o caso. Com isso, pelo menos nesta esfera, o Vasco não corre o risco de ter pedida sua exclusão do Campeonato Carioca.

O inquérito foi aberto nesta sexta-feira e o presidente do TJD-RJ, Antônio Vanderler, ainda não designou o auditor que cuidará do caso.

- O inquérito já foi aberto e vamos analisar melhor o caso, solicitando mais documentos e ouvindo alguns depoimentos. Em seguida, após a conclusão, é que verificaremos se haverá ou não a denúncia - disse o procurador José Flores ao site Justicadesportiva.com.br.

O relator terá 15 dias para concluir o inquérito.