Sem tempo, funcionários comem 'quentinha' na Sapucaí

Portal Terra

RIO - A correria dos preparativos para os desfiles das escolas de samba do Rio de Janerio mexe com a rotina das centenas de pessoas que trabalham na Marquês de Sapucaí.

Contratados para montar um painel de publicidade, Jones Costa, Reginaldo Moreira e Luiz da Silva não têm tempo para sair para almoçar e recorrem à "quentinha".

Eles trabalham há três semanas no local e devem terminar o serviço nesta sexta-feira à noite.

Enivaldo Silva, que cuida da solda da estrutura dos camarotes, dobrou o turno nos últimos dias para deixar tudo pronto até este sábado, quando ocorrem os desfiles do grupo de acesso.

Além disso, mais de cem garis varrem a avenida diarimente para as agremiações se apresentarem.