Bem-vinda, Printing escapa de caretice rumo a um mineiro contemporâneo

Iesa Rodrigues, JB Online

RIO - A elegância de vestidos no comprimento pouco acima dos joelhos, a forma estreita e as estampas abstratas. Mais o luxo dos bordados coloridos, tradicionais na moda mineira. Poderia ser a fórmula de uma caretice sem fim. Só que a Printing estreou no Fashion Rio com tudo, e este tudo arrasa pela beleza.

Os bordados em camadas, feitos com cristais de formas variadas, ocupando partes inusitadas das roupas, são a primeira atração. Depois, justamente este shape discreto, montado em moulages, ombros com pences, as estampas abstratas, assinadas por Anna Milliet. É um conjunto contemporâneo, com um tiquezinho vintage, afinal, é uma grife mineira. Contemporâneo e cosmopolita internacional, já que vende tanto na Bergdorf Goodman de Nova York como na Saks de Dubai.

Além da roupa, há a linha de acessórios, destacando os colares com grandes contas de murano, recheadas de pó de...ouro!

Adorei a expressão "o caminho não previsível do luxo". Diz tudo da Printing, marca da Marcia Queiroz.