Fogaça diz que Rosário desconhece programa do governo Lula

Portal Terra

PORTO ALEGRE - A campanha do prefeito e candidato à reeleição em Porto Alegre, José Fogaça (PMDB), afirmou durante o programa eleitoral desta quarta-feira que a sua adversária, Maria do Rosário (PT), desconhece a forma como o Programa Saúde da Família (PSF), do governo federal, funciona. A acusação foi uma resposta aos programas da petista exibidos na segunda e na terça-feira, nos quais a campanha da candidata afirmou que o prefeito fechou o Posto de Saúde da Família (PSF) no bairro Belém Velho logo após a sua inauguração.

No programa desta quarta, a campanha de Fogaça afirmou que a candidata do PT desconhece o funcionamento do Programa Saúde da Família e acusou a candidata de desqualificar o trabalho dos profissionais que trabalham nas equipes do Programa Saúde da Família. - Como as comunidades podem acreditar nas promessas da candidata do PT se no seu programa eleitoral ela revela total desconhecimento de como o programa funciona? - questionou.

A campanha de Fogaça também afirmou que o posto foi entregue e que, no momento, as equipes do PSF estão cadastrando as famílias que serão atendidas naquele posto. Conforme a campanha, a determinação do Ministério da Saúde é de que o posto só realize o atendimento à população quando o cadastramento estiver finalizado.

Maria do Rosário também fez críticas ao seu adversário, José Fogaça. Durante o horário eleitoral desta quarta-feira, a petista afirmou que Porto Alegre está perdendo recursos de projetos do governo federal por falta de projetos e planejamentos.

A campanha da candidata também veiculou uma reportagem mostrando as ruas do bairro Rubem Berta alagadas. Em depoimento, eleitores que estavam no local afirmaram que a situação se repete sempre que chove forte.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais